Posso investir apenas no exterior?

Fala, meu caro!

Assunto bem importante hoje: como nunca mais sofrer com volatilidade?

Primeiramente, eu vou te explicar o que é isso.

Volatilidade, na área financeira, nada mais é que a dispersão dos valores de um ativo, na prática, quanto uma ação varia seu preço ao longo do tempo.

Sabe aquela ação que sobe 15% em um dia, cai 20% no outro? Pois é, essa é uma com alta volatilidade.

Quanto maior for essa medida na sua carteira, maior será o risco que você está correndo, por não aguentar ver uma variação forte e acabar vendendo um bom ativo em um momento quando ele cai.

E aí entramos na parte prática, então como se proteger dessa volatilidade?

O que você mais vê por aí, são alternativas como investir em ouro, fundos de volatilidade, opções ou qualquer outro ativo que promete proteção.

Isso não faz sentido nenhum.

Proteção para a volatilidade da sua carteira é uma só: Renda FIXA!

E isso por um motivo simples.

É o único ativo que possui baixa volatilidade, baixo risco, e possui um histórico de rentabilidade positivo ao longo do tempo.

Se você pega, por exemplo, um ETF de volatilidade que as instituições financeiras dizem que quando o mercado está volátil, ele valoriza, não é bem assim.

Ele realmente te protege, mas protege somente dos dias que houverem quedas.

Se você for ver ao longo do tempo, a rentabilidade dele vai ser negativa.

A mesma coisa é com o ouro.

Se você for pegar o ouro como como proteção da sua carteira, vai funcionar, nos momentos de crise ele vai se valorizar.

Porém a sacada é que você não vai ter ouro na sua carteira somente nos momentos de crise, e sim levar ele o tempo todo na carteira, para utilizar somente quando uma queda forte vier.

Mas se for ver o desempenho do ouro ao longo do tempo, sua valorização é pífia.

Então não faz sentido penalizar a rentabilidade da sua carteira no longo prazo simplesmente para adicionar um ativo que vai te proteger especificamente quando houver uma queda.

Portanto é simples:

Se proteja com renda fixa. Aumente a quantidade de renda fixa na sua carteira até se sentir confortável com a volatilidade, isso vai, além de te proteger, manter o potencial de retorno ao longo do anos.

Me conte aqui o que você achou deste conteúdo, e se ainda resta alguma dúvida sobre renda fixa, que vou responder diretamente sua pergunta.

Tamo junto!

Matheus Nogueira

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inscreva-se em nossa newsletter

Fique por dentro de todas as novidades! Coloque seu e-mail abaixo para receber as atualizações do blog.

Deixe seu melhor e-mail abaixo para participar: